texto | versão mobile
RadioramaBrasil.com
Arquivos Autores Sobre Fale Conosco Home

Viva lá emoción!

por Tadashi Oshiro
» 21 de dezembro de 2010

Desde quando soube do show do Emoponto, resolvi abrir o baú e ouvir os discos da banda. Acredite ou não, ali encontrei algumas “novidades”. Por exemplo: o ‘Trilogia: Parte III’, último disco da banda é ótimo, e não razoável, como achei na época.

O show de ontem foi o primeiro no Rio de Janeiro desde o final da banda, em 2007 (Ano passado o Emoponto fez dois shows no Paraná, com a Fresno). Apesar do pouco tempo fora dos palcos, era enorme a ansiedade dos fãs por essa única apresentação.

Antes de entrar no show, vale lembrar um pouco da importância da banda para o cenário. O Emoponto surgiu no final dos anos 90, na cidade do Rio de Janeiro. Foi a primeira banda a assinar e gravar um disco (Melhores Dias – 2004) por uma grande gravadora e um dos principais nomes daquele ‘boom’ nacional do rock carioca em 2005 e 2006, junto com o Forfun, Dibob, Darvin, Scracho…

A abertura ficou por conta de outra banda carioca, o Skore. Banda que surgiu junto com todas essas outras, mas que ficou escondida por um tempo, trocando de integrantes e voltou com força em 2008. Já assisti vários shows do Skore, e acredito que o de ontem foi o melhor. A casa e o público ajudaram pra isso. O setlist contou entre outras com Montauk, Aline, Paula Schultz e Colisão.

Apesar de ser numa segunda-feira, a casa tinha bom público para o assistir ao Emoponto. E antes do tão esperado show, a banda já no palco, prestou uma justa homenagem ao Marcelão, ex-guitarrista da banda, que faleceu ano passado. Um vídeo com trechos do DVD da banda que nunca saiu e depoimentos dos integrantes e de amigos. O clima de choro tomou conta do Sérgio Porto, e o começo do show foi difícil. O show foi praticamente todo nos dois primeiros CDs da banda (deixando o ‘Trilogia: Parte III’, de fora). Clássicos como: ‘Seu Retrato’, ‘Quando a Chuva Cair’, ‘Chance Ideal’, ‘Deixar Partir’, ‘Primeira Emoção’, ‘Talvez um Dia’, ‘Rádio, ’1000 Km/h’, não ficaram de fora.

O trio formado por Tuirow, Juca e Daniel fizeram uma apresentação típica de uma banda que voltou pra um show ou outro. Uma festa divertida, emocionante e digna do Emoponto. Por enquanto não existe mais nenhum outro show marcado, mas torço para que a banda volte para outra apresentação um dia. Foi bom reviver alguns bons anos atrás, com os mesmo amigos de sempre.

Acredito que em breve, a banda irá colocar um material em vídeo e/ou áudio desse show. Enquanto isso, já rolam alguns bons vídeos por aí.

Agradecimentos a fernandaperusin, que eu não faço a menor idéia de quem seja, mas tem um canal no YouTube que é fantástico. Fica a recomendação.

Deixe seu comentário

Aviso:

Não serão aceitos neste blog comentários ofensivos. Você tem toda a liberdade de discordar dos assuntos e opiniões aqui tratados, mas faça isso como gente grande.

2007-2017 Alguns direitos resevados via Creative Commons
Tema RockinChrome designed by Cory Miller